O PLP 17, de autoria de Felipe Rigoni e outros 30 deputados, propõe criar um Código de Defesa do Contribuinte. Dentre outros pontos relevantes, chama a atenção a proposta para que haja nacionalização do desempate pró-contribuinte em processos administrativos.

Atualmente, o desempate pró-contribuinte é aplicado no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, que julga casos tributários na esfera administrativa federal.

Segundo a redação artigo proposto, em caso de empate no julgamento de processo administrativo tributário, o processo será decidido favoravelmente ao contribuinte nas esferas federal, estadual e municipal.

O projeto também encerra a discussão no âmbito do CARF a respeito da aplicação do critério de desempate pró-contribuinte em autos de infração, mas não para discussões relativas a não-homologação de compensação proposta pela contribuinte.

Para maiores informações, consulte a nossa equipe.

Rua Flórida, nº 1.821, 11º andar | Brooklin
CEP 04565-906 | São Paulo/SP
Tel. +55 11 5505-4777
contato@crespogregio.com.br
www.crespogregio.com.br