Por conta da pandemia gerada pelo Covid-19 diversas empresas estão com problemas de caixa. Selecionamos abaixo algumas medidas que podem ser úteis:

  • Redução da base de cálculo das contribuições ao Sistema S, que representam tributação de 5,8% sobre a folha de salários

Embora o Governo Federal tenha reduzido as alíquotas do SESI/SENAI, SESC/SENAC, ainda assim é possível entrar com ação judicial para limitar a base de cálculo dessas contribuições a 20 salários-mínimos, reduzindo o recolhimento mensal para cerca de R$ 2.000,00, independentemente do valor da folha de salário mensal da empresa.

Vale lembrar ainda que embora o pagamento da contribuição sobre folha (20%) tenha sido prorrogado pela Portaria nº 139/2020, as contribuições ao Sistema S devem ser pagas pontualmente.

  • Revisão da tributação sobre a folha de salários e creditamento dos valores pagos a maior nos últimos 05 anos

Já existe posição da Receita Federal do Brasil a respeito da desnecessidade de tributar vale refeição, alimentação, seguro de vida em grupo, entre outros. No entanto a recuperação desses tributos exige uma série de medidas administrativas específicas para evitar autuações. Nossa equipe está treinada para adotar todas as medidas necessárias, com segurança.

  • Quitação de débitos de ICMS-ST com créditos de ICMS.

Possibilidade de utilização de créditos de ICMS para quitar débitos de ICMS-ST.

  • Revisão de créditos de PIS/Cofins à luz da jurisprudência do CARF e dos Tribunais judiciais.

Apropriação de créditos sobre dispêndios que até então não eram aceitos pela Receita Federal.

Para maiores informações consulte nossa equipe.

Rua Flórida, nº 1.821, 11º andar | Brooklin
CEP 04565-906 | São Paulo/SP
Tel. +55 11 5505-4777
contato@crespogregio.com.br
www.crespogregio.com.br